Simone e Simaria da entrevista ao Jornal O POVO

As Vocalistas Simone e Simaria decidiram fala sobre sua saída da banda Forró do Muído elas concedeu uma entrevista ao jornal O POVO Veja a matéria completa logo abaixo.

Polêmica com o nome

O fim da participação da dupla no Forró do Muído encerra também a parceria de quase cinco anos com a A3 Entretenimento e deixa em dúvida sobre o destino do Forró. Até agora, a produtora A3 Entretenimentos não se posicionou sobre se a banda continuará sem as irmãs. Segundo a assessoria de imprensa do próprio Muído, “de imediato, a banda continua”, mas ainda está aguardando um comunicado oficial da A3. Apesar de garantirem que estão saindo da produtora sem brigas, as coleguinhas sabem que terão de enfrentar uma batalha dura pela frente. É que o nome “coleguinhas”, com o qual ficaram famosas em todo o Brasil, foi registrado pelo dono da A3, Isaías Duarte. O empresário já divulgou, inclusive, um novo projeto que utiliza o mesmo nome: “As coleguinhas do Brasil”, uma banda que terá nos vocais a dupla sertaneja Nathalia & Camilla. Simaria, no entanto, está confiante. “Ele registrou e nós registramos. O Brasil todo conhece a gente assim. Vamos continuar usando”, garantiu.

Fala Simaria!

O POVO - Por que vocês resolveram sair do Forró do Muído?
Simaria - Havia mais de um ano que a gente vinha ensaiando essa história de sair da banda para montar nosso próprio projeto. Trabalhando sozinha você tem mais liberdade, é dona das suas coisas e a gente queria alcançar novas coisas, ter mais liberdade para tocar os nossos projetos. Aí, a gente foi amadurecendo a ideia e estamos recebendo muito incentivo dos fãs.

O POVO – E a relação com a A3 Entretenimentos?
Simaria - A gente não faz mais parte da A3. A relação está tranquila.

O POVO – O novo projeto já tem nome?
Simaria – Será Simone & Simaria, As Coleguinhas.

O POVO - O que vocês estão preparando para essa nova fase?
Simaria - Muita coisa bacana. Tudo o que a gente não podia fazer lá, porque tinham os administradores para dar as regras, nós vamos fazer agora. Queremos explorar mais a internet, que é uma coisa muito bacana. Tinha composições que, às vezes, ficavam de fora e que eram um sucesso. A música Se Eu Fosse Um Garoto teve mais de um milhão de acessos na internet, não entrou no CD. Agora, a gente vai poder colocar mais as nossas composições, vai poder entrar mais nas tendências do que está tocando. Se tiver rolando sertanejo como está agora, vamos colocar; se for eletrônico, também. A gente não vai perder a essência da batida do forró, mas o que tiver de tendência, a gente vai usar.

O POVO – Quais são as suas expectativas para esta nova fase?
Simaria - Eu tô muito confiante. Te falo por mim e por Simone porque a gente é uma voz única, sempre em comunhão. Quero deixar bem claro que nosso lema é trabalhar e ser feliz. Quando a gente decidiu sair era por uma questão de trabalhar menos, de ter as nossas próprias conquistas. A gente queria ficar mais perto da mãe, dos irmãos e a gente perde isso quando trabalha para os outros. A gente não queria perder essa coisa bacana
que é o amor de família.

O POVO - Falando em amor, como está o coração?
Simaria – Está ótimo, estou casada há três anos...

O POVO – E já pensa em filhos?
Simaria - Quero demais. A hora que vier, pra mim está bem. Estou liberada. Todo muito canta aí grávida, de barrigão, também vou cantar. Eu vou é tirar onda descendo até o chão quando estiver com o meu barrigão (risos). Na hora que Deus mandar, vai ser incrível.

O POVO - Como é a preparação física de vocês para aguentar a maratona de shows? Como você cuida da saúde e do corpo?
Simaria – É difícil. Comecei a malhar, mas parei.
Alimentação não é boa por conta da estrada. O povo acha que é tudo lindo, que a gente sobe no palco já toda maquiada, mas não sabe o que acontece por trás. A gente sofre muito porque estrada é muito ruim. O que eu tento fazer é levar uma fruta de casa de vez em quando. A gente faz o que pode para tentar sobreviver, mas acho que o meu corpo é assim por sorte, genética mesmo, porque eu como tudo. Se gostar, eu como mesmo.

Fãs em defesa

Logo que o empresário Isaías Duarte anunciou, na A3 FM, no dia 30 de janeiro, o lançamento do novo projeto da produtora, “As Coleguinhas do Brasil”, e falou da possível saída de Simone e Simaria do Forró do Muído, os fãs da dupla deram início a um protesto nas redes sociais. No Twitter, os internautas lançaram a hashtag #SimoneeSimariaAsVerdadeirasCOLEGUINHAS e colocaram o assunto entre os mais comentados do microblog. Antes de assumir os vocais do Forró do Muído, as baianas Simone e Simaria integraram, por sete anos, os backing vocals do cantor Frank Aguiar. Depois disso, seguiram em carreira solo em São Paulo, onde lançaram um CD autoral. Em 2007, surgiu o convite da A3 para comandarem a banda de forró cearense ao lado do atual vocalista Binha Cardoso.


 Com informações do site O POVO Online
Compartilhar no Google Plus

Sobre Forró Interativo

O Blog Forró Interativo foi criado em 2011, com o principal objetivo de informar a nação forrozeira sobre os assuntos ligados ao mercado do forró , divulgação de Bandas ,notícias sobre os Forrozeiros e muito mais.
    Blogger Comentar
    Facebook Comentar

0 comentários:

Postar um comentário